Mulher de traficante lavava dinheiro de facção e foi presa em pousada de luxo em ilha no RJ, diz delegado

  • 24/11/2022
(Foto: Reprodução)
Marlene dos Santos foi presa ao tentar realizar a reserva em uma pousada de luxo na ilha da Gigóia, na Barra da Tijuca, com documento falso. Mulher de chefe do tráfico no Ceará é presa no Rio de Janeiro A mulher de um dos chefes de um grupo criminoso presa nesta quarta-feira (23) no Rio de Janeiro lavava dinheiro de uma facção criminosa atuante no Ceará. Marlene dos Santos de Mesquita, 27 anos, foi presa ao tentar realizar a reserva em uma pousada de luxo na ilha da Gigoia, na Barra da Tijuca, com documento falso. Compartilhe esta notícia no WhatsApp Compartilhe esta notícia no Telegram De acordo com o delegado Rodrigo Piedras Barros, do 39º Distrito Policial do Rio de Janeiro, ao ser questionada, a mulher falou que residia em uma comunidade com o marido, Anastácio Paiva Pereira, conhecido como "Doze" e "Paizão", um dos chefes de uma facção que comanda o tráfico de drogas na cidade de Santa Quitéria, no interior do Ceará. "Doze" tem quatro mandados de prisão em aberto por crimes de homicídio, organização criminosa, tráfico de drogas e corrupção de menores. Já Marlene foi presa por integrar a mesma organização criminosa que o marido, trabalhando na área financeira com lavagem de dinheiro. LEIA TAMBÉM: Mulher de chefe do tráfico no Ceará é presa no RJ ao tentar reservar hotel com documento falso Marlene dos Santos de Mesquita, 27 anos, é casada com Anastacio Paiva Pereira, conhecido como Doze ou Paizão, um dos chefes de uma facção que comanda o tráfico de drogas na cidade de Santa Quitéria. Reprodução A mulher foi presa após uma troca de informações entre as polícias civis do Rio de Janeiro e do Cearpa. Os pais de Marlene estavam hospedados em uma pousada na ilha da Gigoia, na Barra da Tijuca, onde ela foi capturada quando tentava visitar os pais. Com ela, a polícia apreendeu celulares, um notebook, joias, uma quantia em espécie de R$ 11 mil, além de um carro modelo Fiat Toro. Ainda segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro, Marlene morava no Rio de Janeiro há pelo menos dois anos, em uma comunidade vinculada a uma organização criminosa. O marido dela também morava lá. Assista às notícias do Ceará no g1 em 1 Minuto:

FONTE: https://g1.globo.com/ce/ceara/noticia/2022/11/24/mulher-de-traficante-lavava-dinheiro-de-faccao-e-foi-presa-em-pousada-de-luxo-em-ilha-no-rj-diz-delegado.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Fale Diretamente conosco clicando no ícone do WhatsApp abaixo do E-mail no final da Pagina

Top 5

top1
1. Raridade

Anderson Freire

top2
2. Advogado Fiel

Bruna Karla

top3
3. Casa do pai

Aline Barros

top4
4. Acalma o meu coração

Anderson Freire

top5
5. Ressuscita-me

Aline Barros

Anunciantes